Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2013

AMAMOS!

LACQUA DI FIORI

LACQUA DI FIORI
Seja consultor!!!

Pagamento do Abono Salarial começa em 13 de agosto

O Ministério do Trabalho e Emprego divulgou o calendário de pagamento do Abono Salarial do PIS/Pasep nas agências da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil, relativo ao exercício 2013/2014. O benefício começa a ser pago a partir de 13 de agosto e termina em 30 de junho de 2014.
O calendário com o pagamento aos trabalhadores identificados com direito a receber o benefício foi publicado no Diário Oficial da União na última quinta-feira (4), por meio de resolução do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat).

Podem sacar o Abono Salarial todas as pessoas que trabalharam com vínculo empregatício por pelo menos 30 dias no ano anterior ao exercício e tenham recebido, em média, até dois salários mínimos. Também é preciso estar inscrito no Programa de Integração Social (PIS) ou no Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Púbico (Pasep) há cinco anos.

Como receber

Os trabalhadores inscritos no PIS devem ir às agências da Caixa. Quem tiver Cartão …

Desmatamento alterou a evolução das palmeiras, revela estudo

Imagem
Desmatamento alterou a evolução das palmeiras, revela estudo Pesquisa publicada na Science mostra a relação entre aves, palmitos e ação humana por Karin Salomão Tucano-de-bico-preto e jacutinga são importantes aves dispersoras das sementes do palmito-juçara (Foto: Lindolfo Souto e Edson Endrigo/Divulgação Science) O processo de evolução é lento, normalmente leva milhares e milhares de anos. Mas em algumas centenas de milênios a evolução dá um salto. Poderia ser um filme do X-Men, mas é uma pesquisa da revista científica Science. O palmito juçara (Euterpe edulis), o tamanho de suas sementes e a relação com aves grandes foram objetos da pesquisa liderada pelo especialista em ciências biológicas Mauro Galetti, da Universidade Estadual Paulista (Unesp), em Rio Claro, publicada no dia 31 de maio na revista Science.

Cada espécie tem uma grande variedade genética. Não há dois indivíduos idênticos. Isso permite a uma espécie sobreviver melhor a…

Pesquisas avançam e alimentos fortificados devem cair no gosto do consumidor

Imagem
Básicos como arroz, feijão, milho e batata-doce rendem até salgadinhos e podem chamar a atenção nas prateleiras; Saiba como estes produtos podem prevenir deficiências nutricionais por Hanny Guimarães Fábrica de salgadinhos da Pepsico. Produtos fortificados estão em fase de desenvolvimento (Foto: Divulgação/Pepsico) Uma boa dieta alimentar pode melhorar a qualidade de vida e diminuir a ocorrência de doenças. A má nutrição tem contribuído anualmente para a morte de milhões de crianças a cada ano em países em desenvolvimento. A deficiência de ferro afeta mais de 3,5 bilhões de pessoas, sendo responsável por milhares de mortes de mulheres durante o parto e de abortos espontâneos anualmente, segundo pesquisa do Instituto Agronômico do Paraná (Iapar).

O Iapar desenvolve trabalhos relacionados à biofortificação de alimentos básicos como arroz, feijão, milho, mandioca e trigo e aposta na melhoria nutricional para reduzir uma série de deficiências …

RESTAURAÇÃO EM MARCHA: 'A RUA JÁ DEU O QUE TINHA QUE DAR'

Dos partidos da oposição, o único que aceitou o convite da Presidenta Dilma para conversar sobre o Brasil e a reforma política foi o PSOL.

Demotucanos e assemelhados declinaram.

Os campos se definem em relação às ruas.

Caminha-se para um realinhamento da cena política brasileira.

Se a conversa Dilma/PSOL abrir espaços para um aggiornamento à esquerda da governabilidade, algo de inestimável importância terá acontecido nos dias correm.

Alegam PSDB, Demos e PPS não ter sobre o que conversar.

Faz sentido.

Dilma pretendia ouvi-los sobre a convocação de um plebiscito para estreitar a aderência do sistema político às ruas.

‘Ora direis ouvir as ruas’, replicam demotucanos em sua esférica coerência.

Ouvir as ruas é tudo o que o credo neoliberal entende que não deva ser feito nessa hora; em qualquer hora.

A escuta forte da sociedade soa como dissonância chavista aos ouvidos congestionados pela cera secular conservadora.

A democracia para esse sistema auditivo é um ornamento.

Um adereço …